segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

POESIA !






olho teus olhos na foto,
teu narizinho arrebitado,
olhos tão brilhantes
e sinto que começo
a entender melhor

o que é poesia!




7 comentários:

Unknown disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Unknown disse...

Por trás de um nariz arrebitado há implicâncias que só o amor compreende e transforma em poesia, é por essas e outras que amo vc.
Beijos
Joelma

brisonmattos disse...

ki fofo isso.

Valéria disse...

Rangel,
Poema doce...
como todo romance!
Suave,
lindo...
Valéria

Graça Pires disse...

Saber olhar um rosto e, em cada pormenor, encontrar o motivo do poema...
Gostei mesmo.
Um beijo, meu amigo.

Luiza Maciel Nogueira disse...

É nos olhos que a poesia mora. Beijinho

SILO LÍRICO - Poemas, Contos, Crônicas e Outras disse...

Que bom voltar à alma tua
E encontrar poesia
Que algum tempo não via.
Mas a vida continua

E hoje eu volto à rua
Com o endereço da via
Poética e de magia.
Parabéns! Em mim atua

Uma certa inspiração
Em ver nesta ocasião
Versos à fotografia

Da bela, cuja intenção,
Pelo amor, foge a razão
A enfocar poesia.

Grande abraço. Laerte.