segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Meu orgulho




Sempre te procurava com
o olhar quando combinávamos
um encontro...
Orgulhava-me destes
teus olhos
sempre que te encontrava!



2 comentários:

Ateliê Tribo de Judá disse...

Rangel,
Orgulho-me por sempre me encontrar em teus olhos, olhos de amor e sinceridade.
Te amo.

Beijos
Joelma

Graça Pires disse...

Um olhar: uma surpresa, um sobressalto, um pretexto de ternura...
Beijos.