terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Paixão!


Chove tanto lá fora,
como parece nunca ter chovido.
Encolhe-se meu
coração.

Medo de se afogar em algo
que não seja
uma grande paixão!



ilustração:mt3.gstatic

13 comentários:

Artes e escritas disse...

O poema é uma graça, mas o alagamento que eu peguei não foi não. Um abraço, Yayá.

Ivana disse...

Olá,
Sem medo de se molhar, sem medo de ser feliz, lindo demais... e a imagem sempre muito bem escolhida, uma ótima noite, meu carinho!

Célia disse...

Para afogamentos apaixonados, não há salva-vidas! Belo poema!
Abraço da Célia.

Franco disse...

Singelo e doce poema.
Toda paixão é grande e vale a pena viver.
Gostei da imagem!

Anne disse...

You put a smile on my face! Gosto tanto da maneira que brincas com as palavras vs situações...

beijo grande
Anne

Gisa disse...

Encolhe e se resguarda. Ele é sábio.
Um grande bj

AC Rangel disse...

Yayá, época de alagamentos, época de atrasos e transtornos, desde que alagado não sejam nossos corações, por "aquela" grande paixão.

Ivana, que teu coração esteja inundado por este doce caldo de amor.

Célia, dispense os salva-vidas. Decididamente eles não nos protegem e grandes paixões.

Franco, você tem hoje uma grande paixão? Feliz do homem que pode ter você nos braços. Certamente é um homem que adora inundações.

Gisa, não há resguardo possível. A paixão é mesmo avassaladora.

Obrigado a cada uma de vocês. Quem agradece é um homem apaixonado.

Beijos

Valéria disse...

Rangel,
um poeta apaixonado, sim, percepitível em cada palavra do poema e de outros tb.
Aforgarmos de paixão, é td de bom.
Sem palavras novamente...
Valéria

Valéria disse...

Rangel,
um poeta apaixonado, sim, percepitível em cada palavra do poema e de outros tb.
Aforgarmos de paixão, é td de bom.
Sem palavras novamente...
Valéria

Fernanda disse...

Que seja só paixão.

POESIA NA ALMA. disse...

Adorei o poema e seu cantinho poetico!
Parabéns!

BELA FLOR. disse...

Ola lindo seu blog e lindas as poesias!

Abraço!

BELA FLOR. disse...

Lindo blog e lindas suas poesias,abraços!