quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Esperança!


Gostava de ver os barcos partindo
assim, na escuridão,
ainda dia não feito.
A esperança agarrada aos olhos de cada
pescador,
gritando alto que este dia sim, seria bom.
Que os barcos voltariam pesados,
tomados de tantos peixes...
Gostava de vir todo dia.
A esperança renovada!
Não gostava de vir à enseada na volta da jornada.
Não gostava de ver o resultado.
Não eram os olhos da vitória ou
da derrota que me tocavam,
mas os da esperança...
A esperança, esta sim, me encantava.
E ela estava toda nos olhos deles,
todas as manhãs,
não importava o dia de ontem...



Ilustração: gstatic

13 comentários:

Cria disse...

Impecável expressão ! Beijos.

Vivian disse...

...não teriamos que seguir
estes exemplos com a vida,
meu poeta?

um olhar de esperança em cada
manhã se abrindo para o sol
do coração?

ahhh como adoro teus escritos!

bjbjbjbj

Anne M. Moor disse...

Rangel

Estou chegando de uma churrasquinho no clube e a lua no céu olha por nós brilhando...

A esperança é o que nos mantém vivos!

Bjos
Anne

Valéria disse...

Mto lindo, Rangel!
Especial esse seu poema!

romantic disse...

oi querido como esta? é lindo teu poema ,uma verdadeira lição de esperança...nada mais importa,a não ser te-la dentro de nós! deixo -te um beijo ao poeta querido!

Runa disse...

Vim, apenas para dar um vista de olhos, mas gostei do sentimento transmitido pelos teus versos e, certamente voltarei mais vezes.

Abraço

Runa

Graça Pereira disse...

A esperança é o rio das nossas vidas.
beijo
Graça

MariaIvone disse...

Esperança se recupera dia a dia, ainda que na véspera os ventos soprem a desfavor.
Excelente a forma como nos diz ser esperançoso!

bjo

armalu disse...

Fred,Lindo o teu poema.
Tu, meu amigão chegas-te para mim.
Muitas vezes ando longe dessa esperança, que tento gostas, ando até longe de mim.
Que a esperança nunca abandone, esses olhares e o teu nunca de canse de a ver chegar. bj

Cristina Lira disse...

E este é o sentimento que nos mantem neste mar que é a vida, a esperança, por te-la, acreditamos no amanha, e sempre sonhamos que amanha havera mais peixes, mesmo que não haja, o amanha trata mais oportunidades, ainda que não as traga, mas alimentar a esperança nos fara sorrir quando amanha ,pelo menos parte do que sonhamos, acontecer..
Bjos, obg pela visita, seguindo-te tbm....amei o espaço, voltarei viu...bjos no coração e paz.

Chris... ჱܓ disse...

Meu lindo amigo,
o que seria de nós se não fosse a esperança? Acordar todos os dias com aquela sensação gostosa de que tudo pode ser diferente...
É ela, a esperança, que nos impulsiona a viver.

Belíssimo e feliz!
Ah.. Um poema com final feliz, aqui no Alma Tua, é raro... rs
Lindo teu pensar.
Bjos na alma.

Chris.

Anna Amorim disse...

Belíssima construção!
Gostaria que lesse meu texto: Ano Novo - Viva a Continuidade Geradora.
Espero que goste como das minhas poesias.

Abço!

Anna Amorim disse...

Belíssima construção!
Gostaria que lesse meu artigo: "Ano Novo - Viva a continuidade geradora."
Espero que goste como dos meus poemas.

Abço!