sábado, 9 de julho de 2011

Definitivamente incerto


diante do mais profundo
silêncio,
sinto que já nem posso mais
caminhar.
assustadora realidade posta
à frente,
resultado da insistência
mórbida
em assim permanecer.

lutar nem sempre é
acreditar.
às vezes a luta significa
risco,
a escolha do caminho definitivamente
incerto...


Ilustração: cantockphoto

11 comentários:

OceanoAzul.Sonhos disse...

Devemos acreditar sempre.
A escolha implica riscos, incertezas, só escutando o nosso silêncio e a nossa sensibilidade podemos avaliar e decidir o caminho a seguir.

Parabéns pelos seus poemas.

um abraço
oa.s

marlene edir severino disse...

Incerto
é cada segundo

Abraço, Rangel!

Marlene

Anne M. Moor disse...

Que nem o poema do Robert Frost que eu adoro!

bjs
Anne

Andreza disse...

...silenciar tbm pode ser aceitar em segredo!!!

Marcia disse...

Poema lindo meu querido ,deixo um bjo!

Artes e escritas disse...

A luta é um risco, o diálogo é o possível e a paz o ideal. Um abraço, Yayá.

Ítalo do Valle disse...

Até mesmo o incerto se faz belo em suas palavras!

Um grande abraço!

Eloah disse...

E não são nossos caminhos todos incertos por mais que imaginamos certos? O que vale é a crença, a escolha, é o risco, é os sentimentos.A graça da vida está na surpresa do que virá.Belo Post.Um forte abraço. Eloah

Zélia Cunha disse...

Lindo poema! Obrigada pela visita e por seguir-me. A beleza da vida reside nas surpresas que ela nos oferece,a espera de cada dia, cada momento, cada gesto, encontros e desencontros, nossas escolhas...nossos caminhos... vida!
Um abraço e todo meu carinho.
Zelia

Irineu disse...

Todo seu trabalho é maravilhoso.
Obrigado por nos contemplar com tão bela arte.

Cria disse...

Perfeito, poeta amigo !