domingo, 24 de julho de 2011

Miragem

Nada mais que uma
miragem,
tu és efeito deste terrível
calor
que nada consegue aplacar...

Nem tua bela e ilusória
imagem...


ilustração: t0.gstatic

11 comentários:

Marcia disse...

Boa Semana Poeta! Lindo poema!bjs!

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Rangel! Passando para te cumprimentar e apreciar mais uma das tuas belas criações, Belo poema.

Abraços e ótima semana pra ti e para os teus.

Furtado.

dilita disse...

Raro comento,mas sempre visito e admiro.
De qual gosto mais? Impossível fazer escolha... São rimas tão graciosas,tão leves,tão bonitas!
Esta poesia é algo que reconforta.
Saudações.
Dília Maria

Graça Pires disse...

A miragem: o sonho que se quis e se não teve...
Beijos.

Andreza disse...

...não sendo miragem,deixo cá desejos de semana maravilhosa com bjks doce ♥

Anne M. Moor disse...

Rangel

The mirage has thus gone but the obstacles remain.

bjinho
Anne

irene rios perez disse...

precioso, sútil y delicado.
Enhorabuena!!

Almeida Lucius™ disse...

Goto muito do teu estilo,e sempre faço uma leitura aqui tenha uma bela semana, abraço!

Salete Cardozo Cochinsky disse...

Poeticamente, uma magnifica construção.
Um abrfaço

Pedra do Sertão disse...

A imagem ficou muito bem combinada com o conteúdo poético!

armalu,blogspot.com disse...

Venho trazer um abraço, todo feito de ternura destes que os amigos trocam. Vir aqui , é sempre bom. Mas quando se tem uma noite de sem sono tu transformas em noite de sonho.
Abraço amigão, Continua Fred lindos os teus poemas.