sábado, 12 de setembro de 2009

Do teu desejo


Acordo no meio da noite
ou será no início de um sonho,
do prazer novamente adiado?
Conheço todos os caminhos que
você percorreu,
marcados, sinalizados
pelos teus pés que,
impiedosos,
pisaram todas minhas esperanças.
Sepulto-as, agora, em plena
madrugada,
em mais uma noite de sonhos
perdidos.


Ilustração: 1.bp

15 comentários:

Valéria disse...

Poeta, perdemos os sonhos? ou apenas os adiamos?

Lago Mudo disse...

Sinto o que diz, e lê-lo torna a forma do que sinto bem mais bonita do que a sinto...obrigado.

Graça Pereira disse...

A noite é sempre a hora de maior magia e perpétuo encanto. É o fim e o começo de um novo dia .É a sepulturade muitas emoções e o berço de outras vivências. A noite, matafóricamente, muda o rumo das nossas vidas: sonhamos acordados, dormimos,sonhando e, desorientados já não sabemos mais onde começa a peça da nossa vida. Mais umpoema maravilhoso, sobre o qual fiz esta reflexão. Um beijo grande e bom domingo. Graça

Anne M. Moor disse...

Rangel

Não sepulta as esperanças não... Faz com que elas ressurjam!

Beijos sonhados :-)

Sônia Brandão disse...

As esperanças não morrem, ficam apenas adormecidas.
bjs

EDUARDO POISL disse...

"Que seja eterna a vitória dos seus dias,
mesmo quando eles lhe derem
a impressão de fracasso.
E nunca se esqueça que atrás das nuvens
sempre existirá sol."

(desconheço o autor)

Hoje passando para desejar um lindo domingo com muito amor e carinho
Abraços do amigo Eduardo Poisl

Sonia Schmorantz disse...

Belíssimos, imagem e poema!
um abraço, bom domingo

Wanderley Elian Lima disse...

Olá meu amigo, só posso dizer:lindoooooooooooo.
bjs

Ava disse...

Belíssima, a imagem do Piano!


Querido, sepultar sentimentos, taí uma técnica que preciso aprender...



Beijos!

Maysa disse...

Rangel

Já varei madrugada, assim no singular, pois cada uma é só aquela...sentindo a dor de sonhos perdidos. No entanto, acordo e afasto os pisados, alguns, as vezes por mim! Renovo com o ar da manhã outros sonhos para serem perseverados.
AH! meu poeta como viajo com sua poesia!
Um Domingo de sol para todos.
Maysa

Alma inquieta disse...

Sepultar as esperanças na madrugada...
não faz mal...
a Aurora de um Novo Dia fá-las Renascer...

Votos de resto de um bom Domingo!

Um beijo.

Ariadna Garibaldi disse...

Podemos sepultar a esperança, porém, qual semente, sempre há de renascer e o mesmo se dá com os sonhos.

Belo poema!

Beijos e ótima semana!

Confesso disse...

Imortal...

Algus sonhos são adiados outros , entretanto são inalcançáveis...


Sempre uma delícia ler você...


Beijos sonhados...

Sueli disse...

Os sonhos nunca são perdidos, visto que são feitos de bem querer. Não se sonha com o que não se quer, com o que não se gosta... E o sonho muito e bem sonhado, pode até se perder, mas somente quando é para se transformar em realidade. Beijos.

Christi... disse...

lindo tudo e esse piano ? nossa...lindíssimo a ilustração

bjs,