domingo, 6 de setembro de 2009

Regresso


Regressar.
Adentrar, avançar mata cerrada,
escuridão tão densa
e regressar aos dias de sol.
Enfrentar o sentido das coisas,
bom ou cruel,
os segredos da chuva,
os medos do mundo e regressar
à casa,
porto de antigas naus,
que aguarda a nova atracagem.
Ousadamente,
regressar!


Ilustração: garatujando

19 comentários:

Anne M. Moor disse...

E seja bem vindo!

Que poema bem gostoso de ler...

Beijo :-)

Wanderley Elian Lima disse...

Meu amigo Rangel, você consegue com poucas palavras demonstrar seus sentimentos. Isto me encanta.
bjs

entremares disse...

É sempre bom voltar.
A casa,
à infância,
ao ontem,
aos amigos,
ao futuro que ainda nem existe.

Parar, não.
Voltar, sempre.


Uma óptima semana para si...

Alma inquieta disse...

Que bom é, sempre, regressar aqui!

Um beijo.

Graça Pereira disse...

Como uma onda que vem pelo mar fora à procura de paz na sua areia, tu regresas.Há um ancoradouro feito de sol que espera pelo teu barco. È bom voltar quando se trás os olhos cheios de estrelas. Beijo Graça

M. Nilza disse...

Seus poemas são sempre um verdadeiro encanto!!! Por isso deixei um presentinho pra vc lá em meu cantinho
beijos

Helena Figueiredo disse...

Regressar...
Deliciosamente regressar a este cantinho, tão cheio de bela poesia.
Saudações de Portugal
Helena

Valéria disse...

Ousadamente regressar.
Poucas palavras e mtos sentimentos.
Início de nova jornada, em busca da felicidade e dos sonhos.
Que bom que podemos fazê-lo, pq parar jamais...

Lu Nogfer disse...

Olá poeta encantador!

O regresso é tao bom principalmente quando enfrentamos tudo com ousadia!
Linda poesia como sempre!Poeticamente verdadeira!
A propósito:
Nao sei se de propósito ou sem propósito mas dessa vez combinei com sua poesia!rs
Voltei finalmente!!Desculpe a demora!
Gostaria de vê-lo lá dessa vez.
Citei-o!
Sempre aqui!

Bjo grande

O mar me encanta completamente... disse...

Neste campo de inconstâncias,
fica o desarme pela palavra.
As suas trazem-nos sabedoria
no aglutinar de excelente poesia.

Meu beijo, querido

Confesso disse...

Imortal...

" Regressar à casa,porto de antigas naus,que aguarda a nova
atracagem.Ousadamente,regressar!"

Começar de novo, sem medo, seguro de um feliz retorno...

Beijos confessos...

Toninho Moura disse...

O regresso é a angústia de uma nova partida.

Doroni Hilgenberg disse...

AC,
Regressar...
Depois de ter visto a escuridão e enfrentado os medos, estamos mais preparados para receber o sol e procurar um novo porto para atracar. Basta ousar!!!
bjs

Sueli disse...

... e que a cada regresso, sempre haja alguma sabedoria a mais em nossa bagagem e nossos lábios sempre possam se desmanchar em sorrisos...

Abração!

Maysa disse...

Rangel

Que lindo!
Regressar...aos dias de sol.
Enfrentar o sentido das coisas...,os segredos da chuva,

O mar é regresso e partida. O que será que deixamos no além-mar?
por falar nisso , pretendi uma referência à sua alma de poeta na postagem de hoje.
Espero que goste.
Abcs
Maysa

Mahria disse...

Regressando aqui. Ousadamente nao.
Silenciosamente.
Te admiro
Te leio
Mim vejo em teus poemas.

Saudades e Beijos!

Mah

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

Desde mis BLOGS:

--- HORAS ROTAS ---

y

--- AULA DE PAZ ----

quiero presentarme

en esta nueva apertura

del eminente otoño.

Tiempo que aprovecho

ahora para desear

un feliz reingreso en

la actividad diaria.

Así como INVITAROS

a mis BLOGS:

--- HORAS ROTAS ---

y

--- AULA DE PAZ ----

con el deseo de que

estos sean del agrado

personal.--- ALMA TUA---

Momentos para compartir

con un fuerte abrazo de

emociones, imaginación y

paz. Abiertos a la comunicación

siempre.


afectuosamente :
AC RANGEL




jose

ramon…

Alma inquieta disse...

Passei para espreitar e estou estranhando a demora de um novo post.

Bom fim-de-semana.

Beijos

Sonia Schmorantz disse...

É nossa sina, estamos sempre indo a algum lugar, mas sempre temos que regressar de algum modo, em algum dia..
Um ótimo final de semana
abraço