quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Te feri


Te feri

Sou tuas mãos.
Desperdicei as flores que colhemos.
As pétalas, ao menos, deveria ter guardado.
E não o fiz.
Me feri nos espinhos
e estas dores são tudo o que me resta.
As dores e um desejo imenso de te levantar,
enxugar tuas lágrimas,
te por em pé e
reiniciar a jornada...

Um comentário:

armalu disse...

Nada tem a ver comigo... mas...obrigado por me fazeres sonhar.
e desejar estar nesse lugar.