terça-feira, 17 de março de 2009

Amor

Amor

E esta dúvida toda, em minha segura certeza?
E este vendaval, soprando forte na minha calmaria?

A terra ruindo aos meus pés,
terreno tão firme e seguro.
Foi.
Avalanche devastadora,
arrastando minha sólida casa.

É o amor! Dizem.
E mais, dizem:
imprevisível, irracional, indomável,
poderoso e
...cega!

Sim, cega, entorpece, domina,
arrasta...

E mais, dizem:
machuca, maltrata, desnorteia, alquebra.
E toma toda tua alma.
Corpo e alma...

Bem vindo seja!

16 comentários:

Anne Marie disse...

Santo Deussssssssssss!!! Os teus últimos posts contam uma história e sequência tufonal :-)

Que poema lindo. Estou com os olhos cheios de lágrimas pela força das palavras aqui escritas...

Bem vindo seja! Isso é vida, vida e paixão, vida e amor... VIDA!

Lindo!

Beijos

Poliana disse...

A Anne está certa isso é VIDA!!!

Quanta grandiosidade de emoções, sentimentos, palavras...
Simplesmente lindo...
Bravo!!!

beijo............m

Linda disse...

So passando para um visita , e te dar os parabens pelo bom gosto do seu blog esta lindo , bjs

Valéria Cristina disse...

Olá...Ai de mim se não fosse a transparência de minh'alma!!!
Ser obscura 'dá trabalho'... rs
Sou assim. Exatamente assim...Por acomodação?? Por opção??
Não sei o porquê!!
Obrigada pelo carinho. Volta lá, viu??
Às vezes 'estou de bem' com o teclado e...lá vai mais um pedacinho de mim...
Beijos.

paula barros disse...

De corpo e alma, nos toma por inteiro.

Muito belo. Emocionante.

beijo

(escrevi vários comentários e apaguei, diante da beleza do seu poema fiquei imaginando um tsunami)

Márcia Justiniano disse...

Amor,
Felicidade,
Paixão,
Carinho...
Eterna procura, sem certeza de encontrar e com certeza de não podermos tocá-los.

Beijo

Ana Hime. disse...

Lindo,adorei muito suas poesias.
Está de parabéns mesmo.

neli araujo disse...

Olá, Rangel!

Gosto da forma que escreve,visceral!
Como disse Paula Barros, fiquei imaginando um tsunami também!
Lindo poema!

Só acho que o que nos "machuca, maltrata, desnorteia, alquebra", é a paixão! O amor mesmo, é mais "calminho",rsrsrs

Um abração,

Neli

paula barros disse...

Rangel

Achei muito bonito, e me vi há algum tempo atrás.

Voltei para ler, mas continuo sem saber fazer um comentário.

beijo

sagher disse...

viva la vida

Avassaladora disse...

O amor!
Que transformação provoca em corações apaixonados...
E delicia essa tempestade de sentimentos, inundando tudo...


Abraços!

Anne M. Moor disse...

Tufão
Tsunami
Tempestade
VIDA!!!

Beijos espiralados :-)

Mai disse...

E passa. Dói, quase mata mas viver é a melhor parte porque tudo passa e apesar do tanto que se ama e o quanto dói a dor de amar, continuaremos amando e vivendo.

Belo texto e as palavras, precisas, no alvoda emoção do leitor.

Carinho,

Mai

Valéria disse...

Rangel...
E o que dizer diante de tamanha precisão de sentimentos e palavras?
Bem vindo seja!
O amor, a vida e a paixão...
Com carinho,
Valéria

O mar me encanta completamente... disse...

Falar de amor, sempre sublime.
Sabe qual é a melhor coisa da internet?
É que aqui, as pessoas podem conhecer sua alma,
antes de conhecer seu rosto.
Nós dividimos pensamentos, sonhos, planos.
Não nos julgamos,nem condenamos, apenas buscamos e oferecemos mãos p ajudar.
Trocamos afeto e abraços não é?
É isso o que vim fazer.
Te abraçar e parabeniza-lo pelo dia do Blogueiro.
Sou feliz por ter te encontrado.
Beijos..

Conceição Duarte disse...

Bendito venha, Amém!