terça-feira, 11 de agosto de 2009

Azul


Vem,
enche meus olhos de cor.
Traz a esperança de mãos de criança,
um sorriso, um raio de luz.

Vem
lua cheia, prateada,
banhando-se nas ondas do mar.

Vem,
silêncio de vozes cansadas,
lágrimas de mães solitárias,
esperança de amanhecer...


Ilustração: fotoache01.stormap.sapo

16 comentários:

André Tavares Marçal disse...

Muito inspirado! Grande azul este que vai ao seu encontro.

Passe pelo meu:
http://sussurrosinaudiveis.blogspot.com/

Abraço

Érica disse...

Vem pra iluminar meu caminho dentro da escuridão angustiante das noites de solidão...
óH Lua!!!
Beijos meu caro!

Majoli disse...

Que lindo este chamado pra lua, já sou tão apaixonada por ela que ao ler tua poesia me peguei a sonhar.
Amei!!!

Beijos.

•.¸¸.ஐBruneLLa França disse...

Que seja mesmo um amanhecer de esperança!

Beijos e borboleteios Rangel

Anne M. Moor disse...

Rangel
A 'esperança de amanhecer' é a que não podemos nunca perder...

Azul é a cor da lua... adoro!

Beijos

Luciano Braz disse...

Singelo e bonito.
Este espaço é gostoso de se visitar, é a terceira vez que passo por aqui e hoje deixo registrado o meu parabéns a vc que constroe cada pagina!

Um abraço, voltarei outras vezes!

Luciano

Ademerson Novais disse...

Não só lei tuas linhas..vivo-as toda vez que venho aqui em teu canto...

Ademerson Novais de Andrade

EDUARDO POISL disse...

De tudo ficaram três coisas...
A certeza de que estamos começando...
A certeza de que é preciso continuar...
A certeza de que podemos ser interrompidos
antes de terminar...
Façamos da interrupção um caminho novo...
Da queda, um passo de dança...
Do medo, uma escada...
Do sonho, uma ponte...
Da procura, um encontro!

Fernando Sabino

Hoje passei pra deixar um poema para refletir e desejar uma semana linda com muito amor e carinho.
Abraços.

Vivian disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vivian disse...

...maravilha é ver a lua
banhando-se nas ondas do mar.
mágicos momentos em que
quero atrasar o amanhecer...

um beijo, poeta!

Graça Pereira disse...

Já não é surpresa...mas que é sempre lindo, isso é verdade!A alma de poeta é um mistério, nunca se esgota. Um bj grande Graça

M. Nilza disse...

Rangel,

Sempre muitos bons seus poemas, vc precisa de poucas letras para dizer tanto...

Beijos e bom dia

A garota do copo d'gua disse...

A noite para mim é um paradoxo.
Hiperbole. Eufemismo. Paradoxo.
Traz a paz, a esperança, que exalam da sua beleza...
Mas pode ser traicoeira, e fazer gritar o que os dias abafam...

Belo poema Rangel querido!
Aguardo sua visita..
Beijo e bom resro de semana! =*

bordadosdemim disse...

A lua sempre há de inspirar poetas e enamorados, algumas vezes com paixão, outras em "blue" mas sempre com a magia misteriosa das noites enluaradas.

beijos

Ariadna Garibaldi

Mline disse...

Passei por aqui para te ver em suas belas e encantadoras palavras... é do olhar que nasce um querer, um desejar, assim podemos encher o coração com esperanças....

intervalo disse...

Lua...mistériosa e bela como alma dos poetas...enleva-me a sonhar,desejar que amanhecer demore a chegar.Que lindo poema Rangel.beijosss meus.Lia...